Blog

Engenharia: para onde ir após a graduação?

Data: 16 / 11 / 2017 Engenharia e Arquitetura

Após o término da graduação, normalmente surgem algumas dúvidas: o que fazer agora? Procurar espaço no mercado de trabalho ou dar continuidade aos estudos, fazendo uma pós-graduação?

Esses questionamentos são comuns em praticamente todas as profissões, não somente pelos profissionais que acabaram de se formar, mas também por outros que já estão no mercado. No setor da engenharia não é diferente. Considerada uma área com grande potencial de desenvolvimento, o segmento oferece ótimas oportunidades de crescimento profissional.

Por isso, é preciso estar preparado e procurar meios para evoluir na carreira. Sair da zona de conforto e buscar especialização em sua área se tornam, então, alternativas valiosas. Mas você sabe qual a modalidade de pós-graduação mais combina com o seu perfil profissional? As formações de pós-graduação, no Brasil, são divididas em Lato Sensu — que quer dizer "sentido amplo" — e Stricto Sensu, que significa "sentido mais restrito".

Na primeira, estão os cursos de especialização e MBA, que são os mais exigidos no mercado de trabalho. Já a segunda, abrange os mestrados (acadêmico e profissional), doutorado e pós-doutorado.

Neste post, vamos detalhar cada uma delas para que você conheça as diferentes opções de pós-graduação. Vamos lá?

 

Lato Sensu

Especialização

Os cursos de especialização são mais breves, voltados para profissionais que desejam aperfeiçoar suas habilidades e conhecimentos em suas áreas de atuação, ou mesmo se atualizarem. Essa modalidade de pós-graduação é destinada a pessoas que trabalham e têm pouco tempo disponível. A duração mínima de uma especialização é 360 horas (exigência do MEC), contudo é importante optar por cursos com a carga horária maior do que essa.

Como sabemos, imprevistos podem acontecer, fazendo com que você perca aulas. Caso não consiga repô-las, você perderá a especialização — por não atingir a carga horária mínima. Portanto, atente-se a essa questão.

MBA

O MBA — Master in Business Administration, em inglês — é outro tipo de especialização muito procurado, que ganhou força nos últimos anos. É destinado a empreendedores e a outros profissionais que atuam nas áreas gerencial e administrativa. O MBA é uma boa opção para quem já está no mercado há algum tempo e objetiva cargos maiores dentro de uma organização.

 

Stricto Sensu

Mestrado acadêmico

Como o próprio nome já diz, o mestrado acadêmico é direcionado a profissionais da engenharia civil que desejam atuar nas áreas de pesquisa e docência — na Educação Superior. É recomendado para pessoas que possuem disponibilidade para estudar e que têm curiosidade sobre diversos temas.

Mestrado profissional

Basicamente, o mestrado profissional em engenharia civil se diferencia do acadêmico por ter o foco no mercado de trabalho. Embora o diploma ofereça a esse profissional a possibilidade de seguir na área acadêmica, ele busca conhecimentos que tendem a ajudá-lo em seu dia a dia profissional. O aluno que se dispõe a fazer o mestrado profissional, geralmente, gosta muito de estudar e fazer pesquisas em sua área. Seu perfil é de um profissional que quer se especializar em uma área e se manter no mercado, embora a docência não seja uma possibilidade descartada.

Doutorado

A exemplo do mestrado, o doutorado também forma professores e pesquisadores, mas com a diferença de uma abordagem mais aprofundada. Consequentemente, o título de doutor enriquece o currículo do profissional. Os casos mais comuns são de pessoas que se tornaram mestres e deram continuidade aos estudos no doutorado. Contudo, ter de fazer o mestrado não é pré-requisito para cursar doutorado. O profissional pode pular de nível, desde que tenha obtido um excelente desempenho acadêmico, e o professor, que será o orientador de sua pesquisa, o aceite.

Pós-doutorado

Trata-se de uma extensão de pesquisa, iniciada no doutorado. Ao final, o trabalho de conclusão poderá ser apresentado por meio de um relatório, artigo científico ou inovação de alguma tecnologia ou produto.

Como vimos, existem muitas opções de pós-graduação para que os profissionais de engenharia civil se atualizem e busquem recolocação no mercado. É importante focar em seus objetivos, considerando a área de atuação e a disponibilidade de tempo para estudar.

Outra boa oportunidade de aperfeiçoamento são os cursos de extensão, que possuem curta duração e horários flexíveis.

Na área de engenharia, existem ótimas opções. Gostou do post de hoje? 

Um curso que pode ser uma ótima escolha para os engenheiros civis é o nosso MBA em Gerenciamento de Obras, Qualidade e Desempenho da Construção.

Clique aqui e saiba mais sobre ele.